Connect with us

Flamengo

Jorge Jesus quer deixar o Flamengo e voltar para Portugal “Jornal diz “

Jorge Jesus transformou o Flamengo em um time imbatível no futebol brasileiro. Líder do Brasileirão e semifinalista da Copa Libertadores, o técnico português mudou a cara o Rubro-Negro em apenas três meses e meio, mas o técnico não esquece o seu país natal e deseja voltar para Portugal. É o que afirma o jornal português “Record” em sua capa nesta segunda-feira.

Flamengo tem 97% de chance de título Campeonato Brasileiro após nova vitória

Com o título “Jesus quer voltar”, a publicação afirma que o treinador está com saudades de casa e “disposto a reduzir o salário atual” para retornar. O comandante tem contrato com o Flamengo até junho de 2020, mas a diretoria já trabalha para ampliar esse vínculo. O diário diz, porém, que a negociação do contrato não está avançando.

“Do lado do time do Rio de Janeiro, a vontade é manter Jesus. De tal forma, que já lhe foram feitas propostas para prolongar o contrato que termina em junho. Por enquanto, a resposta definitiva tem sido adiada, até porque o técnico ambiciona ficar mais perto de casa. A vontade, aliás, é de conhecimento de sua equipe técnica, que acreditam que será isso a acontecer”, afirma o jornal “Record”.

Na coletiva depois da vitória do Flamengo no clássico Fla-Flu por 2 a 0, no domingo, Jesus foi indagado se sente saudades de casa.

– Quanto a Portugal, eu nunca pensei em ser treinador do meu país. Trabalhava nas melhores equipes, porque tenho um contrato que poucas equipes do mundo me pagavam. Aconteceu a primeira vez, aconteceu a segunda vez aqui no Brasil. Não me sinto como se fosse na minha casa, mas estou extremamente satisfeito como fui recebido. Como os adeptos me dão carinho e como os resultados estão a acontecer – disse o treinador no domingo.

Atualização:

PVC Sobre a Informação: Jorge Jesus não pensa em voltar a Portugal

Com todo o respeito à primeira página do jornal Record, que estampou “Jesus quer voltar”, não há nenhum indício de que isto possa acontecer antes do final de seu contrato, em junho do ano que vem.

Não há nenhum depoimento que dê noção de que tenha qualquer tipo de insatisfação, saudade ou problema familiar que o leve de volta, antes do final de seu acordo com o Flamengo. Além disso, na manhã desta segunda-feira, ao saber que a informação de seu possível retorno circulava em Portugal, Jesus foi aos dirigentes para tranquilizá-los e desmentir.

Ao contrário.

Depois da vitória sobre o Fluminense, Jorge Jesus referiu-se ao período de três meses como técnico no Campeonato Brasileiro como se estivessem em casa. Também disse que o trabalho parece levar três anos.

A lua-de-mel continua.

Mesmo na semana em que houve o sequestro do ônibus da linha 2520, na ponte Rio-Niterói, em agosto, Jesus tinha curiosidade sobre onde havia acontecido o incidente. Queria saber o tamanho da ponte (13.290 metros) e a distância para o Ninho do Urubu (68 km).

Naquela semana, já se especulava sobre sua vontade de retornar. Jesus respondeu que não falaria sobre o que não disse.

A situação só pode se alterar depois de junho do ano que vem, quando termina seu acordo com o Flamengo.

Hoje, Jesus não pensa em outro lugar, a não ser no Flamengo.

Click e Comente!

You must be logged in to post a comment Login

Leave a Reply

Flamengo